Skip to content

Green color

    Increase font size  Decrease font size  Default font size  Skip to content
Edição 2



Endereço Postal da Revista Siple Imprimir E-mail

Editor-Chefe/Revista SIPLE - Departamento de Línguas Estrangeiras e Tradução (LET) - UnB - IL

Campus Universitário Darcy Ribeiro - Asa Norte ICC Centro  Corredor do LET - sala 10
CEP.: 70.910-900
Brasília-DF

 
Política Editorial Imprimir E-mail
Leia mais...
 
Normas para Publicação Imprimir E-mail

Ao submeter um artigo para publicação na Revista SIPLE, queira observar os seguintes requisitos:

Leia mais...
 
Sumário Imprimir E-mail
Leia mais...
 
5. Alunos Estrangeiros na Escola Pública do Distrito Federal: Um Retrato de Novos Desafios Imprimir E-mail

Resumo
Averiguou-se que, no período de 2008 e 2009, o quantitativo de alunos estrangeiros (doravante AE) matriculados nas escolas da rede pública de ensino do Distrito Federal demonstrou um crescimento do número de matrículas: foram matriculados 230 AE em 2008 e 284 em 2009. Estes AE frequentam as salas de aula sem saber o português e, portanto, enfrentam dificuldades na aquisição/aprendizagem da língua de escolarização, o que torna a comunicação inviável, e compromete a integração social e o desempenho escolar.  A legislação brasileira garante ao AE não apenas o acesso à educação, mas também lhes assegura o direito a um tratamento diferenciado que minimize os efeitos da barreira linguística, que tantos obstáculos interpõem ao sucesso acadêmico. Os resultados deste estudo revelaram que a aquisição lacunar da língua portuguesa tem neutralizado as oportunidades de aprendizagem dos AE das diversas disciplinas curriculares, prejudicado a sua socialização e integração à escola, ofuscado a diversidade lingüística e cultural representada, no contexto escolar, pelos alunos oriundos de minorias étno-linguísticas e se oposto à política da escola inclusiva. O retrato da realidade dos AE apontou a demanda por uma política lingüística afirmativa por parte dos órgãos reguladores do ensino no Distrito Federal para que implementem ações e programas que promovam o ensino de português como segunda língua aos AE visando adaptá-los aos estudos curriculares e integrá-los ao ambiente escolar ao qual pertencem.     

Palavras-chave: aquisição/aprendizagem de L2; ensino de PL2 na escola regular; política lingüística.

Leia mais...
 
<< Início < Anterior 1 2 3 Próximo > Fim >>

JPAGE_CURRENT_OF_TOTAL

Pesquisar